Meio Ambiente

Treviso lança cartilha sobre observação da vida silvestre

Distribuição para crianças, comunidade e empresários faz parte do projeto de desenvolvimento do turismo sustentável na cidade

 

A implantação do turismo sustentável, que esse ano ganhou força em Treviso, dará mais um passo esta semana. Durante a reunião da Encantos do Sul, na quarta-feira (25), às 14h, no Auditório Vilso Savaris (anexo ao Paço Municipal), será lançada uma cartilha que trata sobre o turismo de observação de vida silvestre. Esse material será entregue inicialmente para as crianças que frequentam a rede municipal de ensino. “A função da cartilha é dar mais um passo com relação ao turismo de natureza, chamando atenção sobre a importância da preservação da vida silvestre para a consolidação de um destino de turismo da natureza, sendo que esse é o maior patrimônio destes destinos e por isso deve ser preservado”, explica o coordenador de projetos do Instituto Alouatta, Paulo Cadallóra. “Além disso, a cartilha fala sobre educação relacionada à saúde da própria comunidade, já que alerta sobre os riscos da caça para a saúde e bem-estar das famílias da comunidade”, complementa.

Help Cell
Confraria do Pão
Para Criar

 

Os moradores de Treviso, o comércio e, principalmente, os empreendedores do turismo também receberão a cartilha que foi confeccionada especialmente para a cidade e traz personagens da fauna regional, como o pássaro papa-banana, ave símbolo de Treviso. “A cultura da caça e do aprisionamento ilegal de animais silvestres ainda existe tanto na nossa região, como em todo o país, infelizmente. Mas a ideia aqui é educar as crianças para que desde cedo elas tenham em mente que o lugar desses bichos é na natureza e que nós podemos conviver em harmonia, sem prejudicar a vida silvestre. Temos, sim, o projeto de diversificar a economia de Treviso apostanto no turismo, mas é somente com as nossas belezas naturais preservadas que ele caminhará com sucesso. A disseminação da observação de aves é uma dessas atividades que tem tudo para crescer aqui, pois nós temos nas nossas reservas naturais cerca de 12% das mais ade 1,9 mil espécies de pássaros catalogadas no Brasil”, comenta o prefeito Jaimir Comin.

 

No evento de quarta-feira haverá uma palestra do coordenador de projetos do Instituto Alouatta, que coordena o projeto de desenvolvimento do turismo sustentável em Treviso, junto à Administração Municipal. O tema será “Turismo de Natureza”. Os alunos do projeto de Observação de Aves, que existe desde 2015, estarão na plateia e um deles, a aluna Clarissa Colle, também será palestrante no evento. Ela iniciou no projeto com 10 anos de idade e hoje, com 12, repassa os ensinamentos aos colegas.

 

Saiba mais:

 

O turismo de observação de pássaros possui adeptos em todo o mundo. A prática consiste em observar pássaros a olho nu, com o auxílio de binóculos e também com o uso de câmeras fotográficas. Crianças, adultos e idosos podem participar e o grande objetivo é se conectar com a natureza, despertando a consciência de que é possível contemplar os animais sem a necessidade de capturar, matar ou prender. No Brasil existem diversos grupos que organizam os eventos chamados de “passarinhadas”, que são encontros realizados para observar e fotografar as aves. O site WikiAves (www.wikiaves.com.br) é especializado no assunto e possui atualmente mais de 27 mil pessoas cadastradas que compartilham as imagens com outros usuários. Dessas, quase duas mil são catarinenses.

BRUNA BORGES

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Topo