Segurança

Moradores bloqueiam acesso para o Montanhão para reivindicar melhores condições nas estradas

Moradores da comunidade de Montanhão, em Siderópolis, voltaram a bloquear o acesso ao bairro, nesta terça-feira, dia 11. A reivindicação é por condições melhores nas estradas que ligam a comunidade.

Com o frequente trânsito de veículos no local, das várias empresas que atuam na obra da subestação de energia, a comunidade sofre com poeira, barro e buracos que deixam a via praticamente intransitável.

“Estamos indignados com a situação, a estrada nunca chegou nessas condições. Já pedimos há meses para arrumar e deixar em condições melhores, eles prometem e não arrumam”, comenta a moradora Tayná Consoni.

Studio LE
BG Calçados
Flor de Jasmim
Espaço Aurora

O primeiro bloqueio

O primeiro bloqueio aconteceu no dia 27 de julho, quando ficou acordado entre o prefeito Hélio Cesa, o Alemão, um dos responsáveis por uma das empresas e pela comunidade que, a manutenção da estrada iria acontecer, sendo a prefeitura responsável pelo material, a empresa pelas máquinas e os operários iriam fazer o trabalho. O prazo para revitalizar o acesso foi de 15 dias.

Um dia após, o trabalho começou com a inspeção da estrada e até um relatório foi feito. Na terça-feira, dia 03, o material foi espalhado, mas segundo moradores, praticamente só jogaram na estrada, tanto que os buracos voltaram. Como o acordo não foi feito da forma combinada, os moradores decidiram fazer novamente o bloqueio.

Portanto, ficou decidido que até quinta-feira, dia 13, deverá haver uma solução. Caso não haja, moradores afirmam que irão fazer novamente o bloqueio na sexta-feira e assim consecutivamente até resolverem o problema.

Licença ambiental

A Licença Ambiental emitida pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), consta que a empreiteira é a responsável pela manutenção da estrada, referente aos danos causados depois da instalação da empresa, mas isso não está acontecendo.

Logo, se nada for feito até o combinado, os moradores também pretendem enviar um ofício ao IMA e ao Ministério Público, informando que a empresa não está cumprindo com as condições da Licença.

____
TEXTO: JATENE MACEDO – REDAÇÃO SIDERÓPOLIS NOTÍCIAS
FOTOS: DIVULGAÇÃO

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Topo